Porque a cúrcuma deve ser incluída na sua alimentação

setembro 6, 2018 por na categoria Receitas com 0 e 0
Home > Porque a cúrcuma deve ser incluída na sua alimentação > Receitas > Porque a cúrcuma deve ser incluída na sua alimentação

A cúrcuma saboriza receitas e ajuda na manutenção da saúde

 

Você provavelmente conhece o curry, um famoso tempero indiano, de cor amarelo, quase laranja. Essa cor vem da cúrcuma, uma raiz da família do gengibre. Desde tempos remotos, os indianos usam a cúrcuma como um remédio natural, e também por causa de seu sabor inigualável.

Com um histórico tão antigo, agora a cúrcuma recebe confirmações científicas de seus benefícios à saúde, através de pesquisas realizadas nos principais institutos do mundo. Isso significa que você tem mais um aliado natural!

 

Principais benefícios

O que confere a cor da cúrcuma é um pigmento conhecido como curcumina, e é essa substância que nos causa tantos efeitos benéficos. Ela atua como anti-inflamatório, inclusive em casos crônicos, podendo até mesmo substituir remédios em alguns casos. Combatendo a inflamação, a curcumina também auxilia no tratamento de artrite. Tem ação antioxidante, protegendo as células contra o surgimento de câncer, e também ajuda no combate de problemas cardíacos. Ajuda a potencializar funções cerebrais que diminuem o risco de doenças neurais, como o Alzheimer, além de melhorar a memória e prevenir depressão. E no fígado, ela atua como depurador, mantendo o órgão mais limpo e mais saudável.

 

Cuidados com o consumo

A cúrcuma, assim como quaisquer outros alimentos, pode causar alguns sintomas caso a pessoa tenha alergia ou sensibilidade. Dentre os estudos realizados com a cúrcuma, percebeu-se que o consumo elevado pode interferir na ação de alguns medicamentos, como anticoagulantes e anti-inflamatórios, por isso quem a consome, principalmente na forma de suplementos, deve ficar atento a sintomas que possam surgir. O ideal é sempre ter acompanhamento médico.

 

Como inserir a cúrcuma em sua alimentação

E para quem tem a intenção de aproveitar todos os benefícios que a cúrcuma oferece, tem a boa notícia de que ela é muito versátil na culinária. Ela é fácil de ser usada em receitas e seu sabor costuma agradar a todos.

A quantidade diária necessária para criar os efeitos benéficos varia de pessoa para pessoa, mas de modo geral é indicado consumir 3 gramas por dia, o que dá uma colher de chá. Existe também suplementos concentrados com curcumina, o que facilita a ingestão da quantidade diária necessária.

O uso mais comum da cúrcuma na culinária vem de ideias orientais, principalmente da Índia, onde seu consumo é alto. Como seu sabor combina facilmente com outros ingredientes, fica fácil para usar no dia-a-dia. Pode-se usar em molhos, como tempero de carnes e ensopados. Uma ideia bem simples e prática é colocar 1 colher de chá de cúrcuma para cozinhar junto com o arroz. Mas de preferir, prepare algumas das receitas abaixo. São deliciosas e bem práticas!

 

Frango com cúrcuma

Ingredientes

4 coxas com sobrecoxa de frango

3 dentes de alho amassados

1/2 cebola picada

1 tomate picado

1 colher rasa de chá de cúrcuma

1 ramo pequeno de alecrim

Sal e pimenta do reino a gosto

 

Preparo

Lave o frango com vinagre, para tirar o cheiro e gosto fortes. Em um saco plástico ou vasilha, junte todos os ingredientes e misture bem até que todos os temperos agreguem no frango. Deixe descansar na geladeira por, no mínimo, 4 horas.

Aqueça o forno em temperatura média. Distribua as coxas com sobrecoxa em um refratário e leve para assar por 40 minutos ou até que a carne fique bem cozida e dourada por fora.

Rendimento: 4 porções

 

Carne de panela

Ingredientes

500g de acém em cubinhos

1 litro de água

1 cebola picada em pedaços grandes

2 tomates picados em pedaços grandes

1 batata em pedaços

1 cenoura em cubos pequenos

1 pimentão em rodelas

1 colher de sopa de cúrcuma

1 colher de sopa de molho inglês

3 folhas secas de louro

Sal e pimenta do reino a gosto

 

Preparo

Em uma panela de pressão, refogue a cebola e em seguida junte o acém e as folhas de louro. Tempere com sal e pimenta do reino e mexa até que a carne fique selada. Coloque a água, a cúrcuma e o molho inglês e misture levemente. Tampe a panela de pressão deixe cozinhar em fogo médio por 20 minutos. Retire a pressão e junte os tomates, a batata, a cenoura e o pimentão. Experimente o caldo e adicione mais sal e pimenta, se for necessário. Tampe a panela novamente e cozinhe por mais 5 minutos, ou até que a batata e a cenoura estejam macios.

Rendimento: 8 porções

 

Sopa de lentilha

Ingredientes

1 xícara de lentilhas secas

1 cebola picada em cubinhos pequenos

1 dente de alho amassado

1 litro de água

1 tablete de caldo de legumes

1 colher de sopa de azeite

1 colher de sopa de cúrcuma

Salsinha picada a gosto

Sal e pimenta do reino a gosto

 

Preparo

Em uma panela, refogue a cebola e o alho no azeite. Em seguida coloque a água e derreta o caldo de legumes. Junte a lentilha, a cúrcuma e tempere com sal e pimenta do reino. Cozinhe em fogo médio até que a lentilha amoleça. Sirva quente, salpicando com a salsinha.

Rendimento: 10 porções

 

Quer mais dicas sobre alimentos e receitas? É só acompanhar o Blog do Camanducaia. Nos vemos por lá!

Adicionar comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

© 2018 Todos os direitos reservados - Laticínios Camanducaia ~ Desenvolvido por Toulouse Comunicação